sexta-feira, 19 de maio de 2017

DENÚNCIA: SECRETÁRIO MUNICIPAL É ACUSADO DE ASSÉDIO MORAL E SEXUAL



Mais um escândalo envolve um membro do primeiro escalão da administração INTERINA de Guamaré. Na noite desta quinta (18), surgiu uma denúncia contundente contra o atual Secretário Municipal de Desenvolvimento Rural, José Reginaldo, mais conhecido como "Dedé de Helia". O secretário é acusado por assédio moral e sexual. 

Willane Dantas, usou seu perfil em rede social para expor as denúncias contra Dedé. Ela, em sua postagem, apresentou, pari-passo, o que já vinha ocorrendo em seu local de trabalho. Ela ainda afirmou em conversa privada conosco, que o assédio sexual já vem se arrastando desde a sua adolescência, porém com rejeição desde sempre. E, esta rejeição da parte da moça, fez com que ele, Reginaldo, a perseguisse irrestritamente, chegando a culminar na demissão da funcionária. Ela não queria nenhum tipo de relacionamento com ele, embora o gestor da pasta rural, segundo Willane, tivesse um infindo desejo por ela, chegando a incitar a muitos anos. 

Os constrangimentos não param nos assédios constantes, a vítima, ainda alega a falta de pagamento desde o início de suas atividades laborais, também do desaparecimento de sua documentação junto à JMT-Service - empresa terceirizada que presta serviços à prefeitura de Guamaré. 

Sem suportar mais tantas investidas da parte do secretário, Willane resolveu expor, e trazer à realidade um fato que vinha sendo retido, tudo em face dela tentar manter seu emprego e assim, não criar um escândalo com seu nome. Entretanto, tudo tem limites, e o que esta moça guamareense tem suportado a anos não é tão simples, e como hoje, não se pode mais usar da passividade nesse casos de violência, a comunidade de Baixa do Meio, e região apoiaram o ato em defesa da honra dela. Agora, ela acessará a justiça para que o acusado seja punido, se assim tudo estiver comprovado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja respeitoso. Os comentários serão moderados, caso haja algum desrespeito serão excluídos.